A Pedra de Roseta – uma chave para entender o passado

Em 1799, Napoleão e suas tropas haviam invadido o Egito. Ao fortificar uma base militar, um dos soldados encontrou uma pedra que mudou por completo a forma de estudar o Egito Antigo. O bloco de granito negro de mais de 2000 anos de idade e coberto por inscrições, recebeu o nome Pedra de Roseta. A descoberta logo se tornou célebre, pois a descoberta apontava o caminho para a leitura e compreensão dos até então indecifráveis hieróglifos egípcios.

A PEDRA DE ROSETA EM EXIBIÇÃO NO MUSEU BRITÂNICO

Leia mais »

5 guerreiras da antiguidade que venceram inimigos e tabus

Ao longo da história, a maioria das civilizações vêm tratando os embates militares como uma arte excusivamente masculina. Foi apenas em tempos mais recente que as mulheres passaram a participar em batalhas em maior escala. A exceção é a União Soviética que, durante a Primeira Guerra Mundial fez uso de batalhões e pilotos femininos e viu centenas de milhares de mulheres soldados lutar na Segunda Guerra Mundial.

Nas principais civilizações do passado, a rotina das mulheres geralmente estava restrita aos papeis tradicionais. Haviam poucas exceções. E ainda assim existem exemplos de mulheres que venceram a tradição e alcançaram a fama no campo militar.

Abaixo estão 5 das mais ferozes guerreiras do passado. Elas não enfrentaram apenas inimigos, mas também precisaram vencer o rígido caminho imposto pela socidade de sua época.

Leia mais »

O incrível Estandarte de Ur – Parte 2

Imagine que você está num palácio em que um banquete real está sendo servido. Imaginou? O que veio à sua mente? Talvez você tenha imaginado rei vestido com roupas típicas da realeza, sendo ovacionado por seus convidados e súditos. Músicos tocando para tornar o ambiente mais alegre e agradável. Comida e bebida sendo postas à mesa… É provável que ao criar essa imagem mental, você tenha esboçado vestimentas e decorações recentes, talvez tenha pensado no Renascimento ou na Idade Média. Mas estamos falando de um evento ocorrido milhares de anos antes da era medieval.

Um banquete real foi registrado há a cerca de 4500 anos atrás no Estandarte de Ur, e apesar de ter ocorrido há tampo tempo, ele reflete muito bem algumas características de nossa atual sociedade. Vamos analisar dessa vez o outro lado do Estandarte de Ur, o painel conhecido com Paz.

Leia mais »

E o mistério da construção das pirâmides vai sendo resolvido

As fascinantes pirâmides do Egito. Quem nunca ficou maravilhado com essas enormes construções do passado? Entre as muitas perguntas sobre o método de construção das pirâmides, duas se destacam: como os egípcios transportavam pedras de 2,5 toneladas através do deserto sem o uso de máquinas pesadas? Como foi possível a construção das pirâmides com a tecnologia até então disponível no Egito? As suposições são inúmeras e até alienígenas já foram incluídos nas respostas. Mas a solução parece ser bem simples. Não envolve aliens. E os egípcios até já haviam nos deixado uma dica…

Leia mais »

O incrível Estandarte de Ur – Parte 1

O ESTANDARTE DE UR MEDE CERCA DE 21 CM DE ALTURA POR 50 CM DE COMPRIMENTO

Repare na imagem acima. À primeira vista, pode ser que alguém reconheça que há uma certa riqueza de detalhes e cores mas a considere apenas mais um objeto que sofreu os efeitos do tempo. Bem, realmente esse artefato existe há muito tempo. 4500 anos aproximadamente! Com essa informação nosso interesse já aumenta, concorda?

Leia mais »